Projetos cofinanciados: PO Açores 2020 – Câmara Municipal

Angra Smart Bike Sharing

Código do projeto: ACORES-04-1406-FEDER-000008

Objetivo principal: Promover a mobilidade urbana sustentável

Custo total elegível: 289.811,65€

Apoio Financeiro da União Europeia: 246.339,90€

Descrição: O projecto pretende levar a efeito a criação de uma rede pública de partilha de bicicletas com o objetivo de atrair a população para modos mais sustentáveis, alterando a repartição modal, nomeadamente pela redução do uso do automóvel, e simultaneamente melhorando a qualidade de vida dos angrenses.

Resultados: O projeto aposta na redução das emissões de carbono em Angra do Heroísmo, fazendo uma aposta em modos suaves de transporte como alternativa de deslocação segura e eficiente no centro urbano de Angra do Heroísmo.

Aumentar a resposta a situações de emergência e de catástrofe no âmbito do sistema Municipal de Protecção Civil de Angra do Heroísmo

Código do projeto: ACORES-05-1810-FEDER-000011

Objetivo principal: Aumentar a capacidade de resiliência a situações de catástrofes

Custo total elegível: 167.572,17 €

Apoio Financeiro da União Europeia: 142.436,34 €

Descrição: A Lei 65/2007 de 12 de novembro definiu o enquadramento institucional e operacional da protecção civil no âmbito municipal, estabelecendo a organização dos serviços municipais de protecção civil. Deste modo, a operação pretende dotar o Município de Angra do Heroísmo de um sistema de intervenção nestas matérias com meios humanos e materiais devidamente adequados para situações de catástrofe como sismos; atividade vulcânica; movimentos de vertentes; erosão costeira; inundações; precipitação intensa; ciclones e tempestades.

Resultados: Pretende-se a aquisição de material operacional para limpeza de zonas de risco, corte de árvores e de proteção individual a trabalhadores do Serviço Municipal de Proteção Civil de forma a prevenir, mitigar e combater calamidades em situações de catástrofe. Pretende-se de igual forma a aquisição de veículos com capacidade todo-o-terreno, remoção de objectos em altura e capacidade de transporte de grandes volumes para a área de Emergência Municipal. O objectivo está presente no Plano Municipal de Protecção Civil de Angra do Heroísmo pretendendo a redução com os custos no aluguer de máquinas para este tipo de trabalhos, tendo em conta a actual conjuntura económica tem vindo a debilitar a oferta por parte dos privados na disponibilização de meios, bem como uma resposta rápida a este tipo de situações.

Construção da nova Escola do Ensino Básico de Santa Bárbara e Circuito

Código do Projecto: ACORES-10-5673-FEDER-000003

Objectivo Principal: Completar a rede pública de ensino da Região, com as últimas intervenções no quadro da programação das infraestruturas e equipamentos que garantem o equilíbrio de oferta de condições em cada ilha dos Açores

Custo Total Elegível: 1.840.694,50 €

Apoio Financeiro da União Europeira: 1.564.590,33 €

Descrição: O presente projeto destina-se à construção da nova escola do Ensino Básico da freguesia de Santa Bárbara, Concelho de Angra do Heroísmo. O Projecto inclui a construção de um edifício escolar com 4 salas do Ensino Básico do 1º Ciclo e 2 salas de Jardim Infantil com capacidade para 120 alunos. Inclui-se também nesta candidatura a construção de um circuito de acesso entre o circuito logístico regional e a escola. Este circuito será completamente infraestruturado garantindo o abastecimento e acesso ao estabelecimento escolar.

Resultados: O projeto visa, essencialmente, proporcionar uma infraestrutura que vá de encontro às condições necessárias à qualificação do ensino, de acordo com as Cartas Regional e Local de Educação. Pretende-se que este complexo cumpra as exigências curriculares do ensino Básico e que, em paralelo, constitua uma referência na paisagem local, bem como para o desenvolvimento do ensino na Zona Oeste do Concelho de Angra do Heroísmo.

Proteção, Consolidação e Valorização da Baía do Fanal

Objectivo Principal: Aumentar a capacidade de resiliência a situações de catástrofes

Custo Total: 3.195,873,40 €

Custo Total Elegível: 1.695.014,92 €

Apoio Financeiro da União Europeira: 1.440.762,68 €

Descrição: A presente operaçãopretende levar a efeito a proteção, consolidação e valorização da Baía do Fanal, em Angra do Heroísmo, reduzindo a erosão do litoral, bem como a atenuação dos movimentos de massas junto a uma das principais vias de entrada na Cidade de Angra do Heroísmo.

Resultados: A operação tem como objetivo a proteção da erosão do litoral, permitindo proteger a encosta, vias e habitações em cerca de 783 metros de linha de costa, reduzindo os riscos naturais de derrocada ou inundações, assegurando a estabilidade das falésias circudantes, impedindo a progressão da erosão marítima e garantindo a segurança das populações e das infraestruturas localizadas no topo da arriba, zona devidamente identificada no Plano de Ordenamento da Orla Costeira (POOC). Com a intervenção, pretende-se valorizar aquela baía com a construção de um percurso pedonal que vai ligar a baía de Angra à Baía do Fanal, através da recuperação de um percurso histórico já existente, bem como a construção de dois parques de estacionamento, nos limites do caminho pedonal.

Reabilitação de Espaços Públicos na Zona Classificada incluindo Jardim Duque da Terceira e criação do Percurso Pedestre Relvão/Fanal

Código do projeto: ACORES-06-2316-FEDER-000010

Objetivo principal: Melhorar a qualidade do ambiente urbano dos Açores

Custo total elegível: 1.829.677,14 €

Apoio Financeiro da União Europeia: 1.555.225,57 €

Descrição: A operação visa a Reabilitação de Calçadas na Zona Classificada de Angra do Heroísmo, incluindo a ampliação do Jardim Duque da Terceira e a criação do Percurso Pedestre Relvão/Fanal.
A intervenção nas calçadas do centro histórico abrange as ruas Direita, dos Minhas Terras, Conselheiro José Silvestre Ribeiro, da Miragaia, Frei Diogo das Chagas e Largo Dr. Sousa Júnior. A Obra de Ampliação do Jardim Duque da Terceira inclui a criação de um percurso de valor ecológico e de um espaço para recreio e lazer, com arborização e equipamentos e instalações sanitárias de apoio. Do projeto de ampliação do Jardim Municipal pretende o beneficiário dar continuidade ao espaço verde existente, enquadrando o futuro centro interpretativo da cidade e criando um espaço para concertos. A Obra de Construção do percurso pedestre entre as zonas do FanaL e do Relvão, para além da função recreativa e ambiental tem também a ligação histórica/cultural à Fortaleza de São Baptista e prevê ainda a construção de um parque de estacionamento para apoio a esta infraestrutura. Ao longo deste percurso será instalada iluminação pública, bancos, papeleiras e sinalização informativa.

Resultados: A operação irá contribuir para a melhoria da qualidade do ambiente urbano, na medida em que prevê a abertura e/ou reabilitação de 16.379m2 de espaço público no centro urbano. De acordo com o indicador de resultado, o aumento da satisfação dos residentes que habitam em áreas com estratégias integradas de desenvolvimento urbano, será medido no final da operação.

Startup Angra – Dinamização de uma Rede de Suporte

Código do projeto: ACORES-03-0651-FEDER-000006

Objetivo principal: Promover o empreendedorismo qualificado e criativo, enquanto potencial de inovação e regeneração dos tecidos económicos setoriais e regionais

Custo total elegível: 66.998,85 €

Apoio Financeiro da União Europeia: 56.949,02 €

Descrição: Com vista à construção de um ecossistema empreendedor e de criação de negócio, a Incubadora de Empresas de Base Local, Startup Angra e, respetiva equipa de Gestão, traçou um Plano de Ação que incluí um rol de eventos, infra descritos, entre o período temporal de outubro de 2016 e maio de 2017, com o objetivo de tornar a marca Startup Angra conhecida e reconhecida pelos serviços que presta, exaltando os seus benefícios, objetivos, valores e disruptividade criativa. Este projeto pretende, trazer organizações através de eventos, com elevadíssima notoriedade reconhecida, no âmbito da geração de startups e de desenvolvimento de modelos de negócio. Desta forma, com a implementação do projeto Startup Angra Dinamização de uma Rede de Suporte pretende-se realizar na totalidade 10 eventos, desde Conferências a Workshops, com o objetivo de oferecer ao seu público-alvo uma vasta variedade de iniciativas consistentes que lhes permita, desde já, facilitar a interligação entre os diversos atores envolvidos.

Resultados: Dar a conhecer as valências e multidisciplinariedade da equipa de gestão Startup Angra e concomitantemente lançar a marca;
Aumentar a notoriedade da marca Startup Angra;
Gerar ecossistema empreendedor;
Promover o aumento da competitividade das empresas locais e regionais, através do desenvolvimento e difusão de uma cultura e de uma prática de inovação;
Educação e reeducação empreendedora;
Proporcionar mecanismos que incrementem o empreendedorismo qualificado e criativo;
Difusão da inovação tecnológica;
Promover uma mentalidade mais empreendedora e mais aberta à assunção de riscos;
Identificação de Mentores e Parceiros;
Contribuir para a criação de network de parceiros e especialistas;
Atrair Empreendedores e promover o incremento da cultura empresarial.

Back to top button
Translate »
Close